Rodovia é liberada após bloqueio de garimpeiros para impedir passagem de comboio das Forças Armadas

Por: G1 / Pará
26/08/2021 - 06:56:12

Liberação ocorreu após prefeitura tapar buraco e fazer desvios onde pontes foram queimadas. Polícia Federal realiza operação de combate a garimpo ilegal dentro da Terra Indígena Kayapó, no sul do estado

Por: G1 PA - Belém

Após mais de um dia bloqueada, a rodovia PA-287, principal acesso ao município de Cumaru do Norte, no Sul do Pará, foi liberada. Nesta quarta-feira (25) o fluxo de veículos estava normalizado, segundo a prefeitura.

O bloqueio ocorreu de segunda-feira (23) até o final de terça-feira (24) por garimpeiros para tentar impedir um comboio do Exército e da Força Nacional de apoiar operação da Polícia Federal, de combate a garimpos ilegais dentro da Terra Indígena Kayapó, no Pará.

Duas pontes foram queimadas, ficando danificadas, e um buraco foi aberto na estrada pelo grupo de pessoas responsável pelo bloqueio.

Segundo a prefeitura, foi necessário aterrar o buraco e também fazer dois desvios com terra nos locais onde as duas pontes foram queimadas. Com o fogo, elas ficaram sem condições de uso, ainda conforme a prefeitura, e devem ser reconstruídas nos próximos meses, antes do período de chuvas intensas na região, conhecido como inverno amazônico.

Até a tarde desta quarta-feira (25), a Polícia Federal e a Polícia Militar não informaram se houve alguma prisão ou apreensão na área onde a estrada foi bloqueada e as pontes, danificadas.

A operação da PF usa helicópteros para chegar às áreas exploradas de forma ilegal e agentes do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) chegaram a queimar maquinários que estavam em um garimpo conhecido como Maria Bonita, que fica dentro de área indígena.

Prorrogação

As Forças Armadas informaram, na noite desta terça, que devem prorrogar a permanência na Amazônia Legal. Segundo nota, a Operação de Garantia da Lei e da Ordem estava prevista inicialmente para ocorrer do dia 28 de junho até 31 de agosto, em 26 municípios nos estados de Amazonas, Mato Grosso, Pará e Rondônia, será estendida.

O anúncio da renovação da operação de “GLO Samaúma” foi feito pelo vice-presidente Hamilton Mourão, na 6ª reunião do Conselho Nacional da Amazônia Legal. Mourão disse que a presença dos militares é fundamental em período de intensificação do desmatamento e incêndios florestais.

Segundo o vice-presidente, o próximo compromisso do Conselho da Amazônia será uma viagem com embaixadores para a Amazônia Oriental. A expedição está prevista para os dias 8, 9 e 10 de setembro.

PUBLICIDADE

Últimas Notícias



PUBLICIDADE

Copyright © 2003 / 2021 - Todos os direitos reservados
NossaCara.com é propriedade da empresa Brito Santos Comunicações e Publicidades Ltda.
CNPJ: 12.652.562/0001-07 - Fone: (73) 98866-5262 WhatsApp