Copa do Mundo: Luca Braidot vence XCO em Lenzerheide

Por: Bike Magazine
14/07/2022 - 08:52:15

Nino Schurter e Mathias Flückiger estavam na ponta, mas caíram nos metros finais; Avancini ficou em 31º

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/Bartek Wolinski / Red Bull Content Pool

O italiano Luca Braidot (Santa Cruz FSA) venceu neste domingo (10 de julho) a prova de cross country olímpico (XCO) da etapa da Copa do Mundo de MTB em Lenzerheide, na Suíça. Braidot largou na primeira fila por causa do 5º lugar conquistado no XCC na sexta-feira e se manteve no grupo da frente.

Esta foi a primeira vitória do italiano na competição, que quebra um jejum de quatro anos para a Itália, cujo último sucesso na Copa do Mundo foi em 2018 em Vallnord, com Gerhard Kerschbaumer.

Henrique Avancini, terminou a etapa na Suíça em 31º lugar. José Gabriel não terminou. No feminino, Raiza Goulão foi a 44ª e Aline Simões a 67ª.

A etapa terminou com drama: nos últimos metros os suíços Nino Schurter (Scott Sram) e Mathias Flückiger (Thomus Maxon) caíram e ficaram para trás. Os torcedores suíços ficaram sem palavras: a possível dupla vitória suíça rapidamente se tornou um sprint entre Itália e África do Sul.

Braidot derrotou o sul-africano Alan Hatherly (Cannondale Factory Racing) e Flückiger ainda conseguiu voltar a tempo de terminar em terceiro lugar; Schurter foi o quarto.

Com o grande objetivo da 34ª vitória na Copa do Mundo de sua carreira em mente, Schurter ficou na frente desde o início e ditou o ritmo . Após uma volta de abertura particularmente rápida, no entanto, o atual campeão mundial reduziu seus esforços enquanto um grande grupo foi para a frente, entre eles Flückiger, que inicialmente teve que lutar para alcançar a ponta depois de uma largada fraca.

Pouco depois, foi o próprio Flückiger que forçou uma seleção no grupo da frente: ficaram apenas Schurter, Hatherly, o suíço Filippo Colombo e, com um pouco de atraso, o vencedor Luca Braidot. Colombo ficou para trás nas voltas restantes e terminou em quinto.

Schurter e Flückiger se atacaram, mas com pouco sucesso: os dois ficaram juntos até o fim, e por curtos períodos de descanso também deram aos outros dois adversários, Braidot e Hatherly, a oportunidade de se recuperarem.

Nos últimos metros da corrida, Flückiger abriu caminho para a frente no início da última passagem técnica de um quilômetro com muitas subidas e descidas, mas apenas alguns metros depois Schurter avançou novamente. No entanto, quando alguns momentos depois Luca Braidot apareceu na frente e correu para a vitória junto com Alan Hatherly, ninguém entendeu. O que tinha acontecido com Schurter e Flückiger?

Schurter, em entrevista à TV local, disse que Flückiger o ultrapassou em um ponto em que simplesmente não daria e o derrubou.

No feminino, a francesa Loana Lemcomte conquistou o pódio da final da elite do XCO, seguida da sueca Jenny Rissveds e da suíça Alessandra Keller.

Veja a reprise aqui

Site oficial do evento

COPA DO MUNDO DE MTB 2022
26 e 27 de março – Lourdes, França (DH)
8 a 10 de abril – Petrópolis, Brasil (XCO/XCC)
6 a 8 de maio – Albstadt, Alemanha (XCO/XCC)
13 a 15 de maio – Nove Mesto, República Tcheca (XCO/XCC)
21 e 22 de maio – Fort William, Reino Unido (DH)
10 a 12 de junho – Leogang, Áustria (DH/XCO/XCC)
8 a 10 de julho – Lenzerheide, Suíça (DH/XCO/XCC)
15 a 17 de julho – Vallnord, Andorra (DH/XCO/XCC)
29 a 31 de julho – Snowshoe, EUA (DH/XCO/XCC)
5 a 7 de agosto – Mont-Sainte-Anne, Canadá (DH/XCO/XCC)
2 a 4 de setembro – Val di Sole, Itália (DH/XCO/XCC)

 

PUBLICIDADE

Últimas Notícias



PUBLICIDADE

Copyright © 2003 / 2022 - Todos os direitos reservados
NossaCara.com é propriedade da empresa Brito Santos Comunicações e Publicidades Ltda.
CNPJ: 12.652.562/0001-07 - Fone: (73) 98866-5262 WhatsApp